10 formas de impulsionar as vendas no seu site de e-commerce

10 formas de impulsionar as vendas no seu site de e-commerce

Construir um bom site de e-commerce requer muita atenção e dedicação. Empreendedores online devem equilibrar design e desenvolvimento com práticas de marketing para obter sucesso nas vendas em um site de e-commerce. O portal Mashable separou 10 dicas simples que ajudam a criar um site de e-commerce competitivo:

1. Facilite a navegação

Para que seus clientes comprem seu produto, em primeiro lugar, é claro, eles devem saber como chegar até ele. Um site com navegação simples os ajuda a navegar com facilidade. Além disso, é ideal que cada categoria e subcategoria possua um título claro, e devem estar posicionadas em um local de destaque em cada página. Veja por exemplo o site da Need Supply Co.: o site é atraente e as guias são organizadas, abertas e auto-explicativas.

2. Crie um bom campo de busca

Mesmo que seu site seja fácil de navegar, quase todos os sites possuem um campo de busca. É uma maneira rápida e conveniente de ajudar os usuários a encontrar exatamente o que eles precisam. Certifique-se que a busca produza resultados específicos e relevantes sobre aquilo que o usuário esteja realmente pesquisando. O site de moda Refinery 29 possui um enorme campo de busca que está separada do restante do menu. O motor de busca é mais do que simplesmente agradável ao olhar, contudo – trata-se de um mecanismo de busca rápida que facilita a pesquisa pelas marcas e produtos comercializados no site.

 

3. Torne as coisas mais simples

É recomendável também usar um sistema simples de pagamento. Os consumidores estão mais propensos a comprar um produto quando o fechamento do pedido é simples e direto. Um estudo A/B Split Test descobriu que havia uma taxa de sucesso 20% maior quando os usuários eram capazes de fazer fechar o pedido em apenas um clique. A Amazon é bem conhecida por isso, e é também um dos seus ingredientes de sucesso. Aprenda com ela e procure tornar seu sistema de pagamento o mais simples possível.

4. Recursos extras

Embora o processo de pagamento deva ser simples, os usuários não devem pensar que hajam opções faltando. Tenha em mente que alguns usuários estão comprando seu produto como um presente. Assim, ofereça serviços como embalagem para presente, recibos, notas personalizadas e estornos. Estas características dão ao cliente mais motivos para comprar, seja para eles mesmos ou alguém.

5. Aparência é tudo

Você provavelmente passou muito tempo pensando no produto, então porquê não apresentá-lo na melhor qualidade possível? Apresentar seus produtos de maneira visualmente atraente e interessante é uma ótima maneira de chamar a atenção de quem navega pelo site. O Blik é um site que vende papéis de parede, mas as fotos mostram todo o ambiente, dando aos usuários uma ideia de como ficaria o produto na casa do consumidor. Fotos bonitas não precisam de um fotógrafo profissional. Existem várias maneiras de melhorar as imagens em um site de comércio eletrônico sem gastar muito também. Fotos bonitas e design inteligente são sempre um fator primordial de decisão para os usuários clicarem em “Comprar”.

6. Forneça detalhes

O compartilhamento de dados evoluiu no mundo do varejo. Informações básicas como dimensionamento, cor e disponibilidade são necessárias, e ajudam o consumidor a descobrir como o produto foi feito, como será enviado e o que os outros estão dizendo sobre ele. Boas informações sobre o produto é a parte mais crítica do processo de tomada de decisão de compra, portanto tenha isso sempre em mente.

7. Entrega do produto

Certifique-se que os custos de transporte estejam bem visíveis antes de seguir para a etapa final do carrinho de compra. Quanto mais cedo os consumidores souberem sobre os custos adicionais, menos propensos eles estarão de abandonar a compra. Após a compra feita, alguns clientes podem querer verificar o status. O acompanhamento do histórico do pedido ajudará a automatizar as chamadas de serviço ao cliente.

 

8. Seja honesto

Ninguém gosta de se sentir enganado depois de ter feito uma compra, especialmente se estiver insatisfeito. Portanto, certifique-se de que suas políticas estejam muito claras, visíveis e em linguagem simples para que os clientes saibam exatamente o que e como estão comprando. A política de privacidade da Etsy é um grande exemplo, pois é fácil de encontrar e mostra quando foi atualizada pela última vez. Usuários também apreciam um site que fornece retornos rápidos. Assim, entenda que seu produto não é para todo mundo e torne simples a consulta de informações para os clientes insatisfeitos. Sua consideração provavelmente não vai passar despercebida nas vendas.

9. Personalize a experiência

Os clientes podem gostar do anonimato ao fazer compras online, pois proporciona privacidade e confiança. Mas uma experiência personalizada provavelmente trará boas críticas e clientes recorrentes. As empresas que estão tendo sucesso são as que pararam de agir como vendedoras de massa e iniciaram uma parceria com os consumidores para ajudá-los a resolver problemas individuais de compra.

10. Permita o uso de vários navegadores

Sites que funcionam em diferentes tipos de navegadores venderão mais. Os usuários não vão esperar por um site lento que não carrega uma imagem que parece estar quebrada. O site Storyville permite que o usuário decida qual versão deseja visualizar, a depender da conexão da internet que estiver usando. Lembre-se que nem todo mundo está usando o Explorer ou o Safari. Teste seu site em diferentes plataformas e tenha a certeza de que esteja funcionando perfeitamente em todas elas.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

[index]
[index]
[523.251,659.255,783.991]
[523.251,659.255,783.991]
[523.251,659.255,783.991]
[523.251,659.255,783.991]