12 Livros de Negócios para Ler em 2014

12 Livros de Negócios para Ler em 2014

Mais um ano se passou e é hora de preparar os ânimos para próximos desafios que virão em 2014. Existem centenas de livros interessantes sobre negócios para serem explorados, tanto em português como em inglês, e neste post o escritor Adam Grant comenta alguns lançamentos nos EUA que prometem fazer sucesso também no Brasil no ano que vem. Alguns títulos podem ser encontrados em português, outros ainda somente em inglês – mas, para facilitar, colocamos a referência de todos via Amazon.com. São eles:

1. “Leaders Eat Last”, de Simon Sinek

O que é preciso para um líder transformar a paranóia e o cinismo em segurança e confiança? Seriam estes elementos realmente necessários para a cooperação? Simon Sinek, autor de “Como grandes líderes inspiram ação” (do original “Start With Why”), relata o que aprendeu sobre negócios e inovação convivendo com líderes militares e corporativos.

2. “Quick and Nimble”, de Adam Bryant

Em uma economia cada vez mais competitiva e dinâmica, toda organização é cobrada pela construção de uma cultura favorável à inovação. Enquanto a maioria dos livros sobre inovação mergulham no sucesso ou fracasso de uma empresa, o colunista do New York Times Adam Bryant vai mais longe, entrevistando centenas de executivos para identificar o que é eficaz em todas as indústrias. Bryant oferece aos leitores um “tour” pelas mentes dos CEOs mais inovadores do mundo, compartilhando ideias que são ao mesmo tempo esclarecedoras e muito práticas no dia a dia desses executivos.

 

3. “Small Move, Big Change”, de Caroline Arnold

Sabe aquele ditado que diz “não dê um passo maior que a perna” (mas um de cada vez)? “Small Move, Big Change” é um livro de auto-empoderamento que realmente funciona. A autora, Caroline Arnold, mistura pesquisa e exemplos práticos de sua experiência como líder de tecnologia em Wall Street para fornecer a seus leitores conselhos bastante convincentes de como se motivar para economizar mais, comer menos, se auto-organizar e até mesmo a aumentar a força de vontade e conquistar as famosas resoluções de Ano Novo.

 

4. “Scaling Up Excellence”, de Robert Sutton e Hayagreeva Rao

Quais são os maiores desafios enfrentados pelos CEOs e líderes? A resposta quase sempre é associada ao sucesso: como criá-lo e multiplicá-lo. Se você possui uma equipe que está prosperando enquanto outra está falhando, como empregrar as melhores práticas para outras equipes na organização? Os autores, Robert Sutton e Hayagreeva Rao, professores eminentes da Universidade de Stanford, lançam luz sobre o problema generalizado do escalonamento com um livro de referência repleto de estudos de caso, poderosas evidências de pesquisa e ideias para colocar em prática ​​para quem se interessa em tornar grupos ou organizações mais eficazes.

5. “Everything Connects”, de Faisal Hoque e Drake Baer

Filosofia, negócios e história se reúnem em um olhar aprofundado sobre liderança, criatividade, inovação e sustentabilidade de um empreendedor bem sucedido e de uma  jornalista de vanguarda. Com tópicos envolvendo grandes empresas globais e pequenas startups, este livro examina o que os líderes podem aprender com a sabedoria oriental, Da Vinci, e com a psicologia contemporânea.

 

6. “Thanks for the Feedback”, de Douglas Stone e Sheila Heen

O livro lança um olhar diferente para a mudança de ponto de vista sobre uma das coisasmais difíceis da vida: receber feedback. Doug Stone e Sheila Heen, co-autores de “Conversas Difíceis”, mostram como observar-se honestamente no espelho e obter insights valiosos sobre o ser humano verdadeiro que há por atrás de cada um de nós (e que naturalmente buscamos esconder, claro). As recompensas por tal esforço incluem um comportamento menos defensivo, mais auto-conhecimento, aprendizagem mais profunda e relacionamentos mais profícuos.

7. “Thrive”, de Arianna Huffington

Na busca pelo sucesso, muitas pessoas tomam caminhos pelos quais acabam se arrependendo depois. Na escalada em busca de dinheiro e poder, líderes e gestores sacrificam saúde e bem estar, perdendo oportunidades significativas de se cuidarem para oferecer o melhor de si. Arianna Huffington, co-fundadora e presidente do famoso Huffington Post, redefine em “Thrive” o sucesso além do dinheiro e do poder para melhorar o bem estar, a sabedoria e a criatividade de empreendedores e executivos.

8. “The Humor Code”, de Peter McGraw e Joel Warner

O humor é um ingrediente inestimável no trabalho: ele ajuda os líderes a diminuir a tensão em momentos de crise, os gestores a dosar um feedback difícil, e os funcionários a gerar ideias criativas em sessões de brainstorming. Graças às aventuras globais de um cientista social bem humorado e de um jornalista perspicaz, todos nós podemos descobrir como nos tornarmos mais engraçados, e rir em voz alta diante de qualquer dificuldade. Peter McGraw e Joel Warner, autores de “The Humor Code”, oferecem um olhar marcante sobre o que nos faz rir, com uma pitada perfeita de ciência, história e sátira.

 

9. “Brilliant”, de Annie Murphy Paul

Podemos nascer inteligente ou não. A maioria das pessoas odeia essa premissa, mas nunca questionam se é mesmo verdadeira. A jornalista científica Annie Murphy Paul mostra-nos, contudo, que trata-se de uma afirmação falsa: a inteligência é um recurso renovável. Em “Origins”, ela revelou que o debate natureza-criação tem negligenciado os nove meses de formação que passamos no útero materno. Em “Brilliant”, ela organiza duas décadas de evidências da psicologia e da neurociência para explicar como podemos tornar a nós mesmos e aos nossos filhos mais inteligentes.

10. “Think Like a Freak”, de Steven Levitt e Stephen Dubner

“Freakonomics” e “SuperFreakonomics” são duas obras que fizeram (e ainda fazem) muito sucesso entre os best-sellers de negócios. Se você leu e curtiu uma dessas duas obras, “Think Like a Freak” presenteiam o leitor com insights sobre como os autores, Steven Levitt e Stephen Dubner, chegam a suas ideias brilhantes com os estudos, histórias e ilustrações que enriquecem nossas habilidades de resolver problemas em nossas vidas pessoais e profissionais.

 

11. “Invisibles”, de David Zweig

Por que algumas das pessoas mais talentosas do mundo optam por uma vida mais discreta e obscura, em vez de clamar ser o centro das atenções? Em sua estréia na não-ficção, o jornalista David Zweig introduz algumas das pessoas mais bem sucedidas que nunca ouviamos falar até então, de cineastas a engenheiros de arranha-céus e intérpretes da ONU. É um toque de clarim para o trabalho artesanal: por aperfeiçoarem cuidadosamente a experiência sem monopolizar a atenção, por generosamente contribuírem para o conhecimento sem a pretensão de crédito, e pela valorização de um trabalho cheio de significado acima do reconhecimento público.

 

12. “Smartcuts”, de Shane Snow

Embora os detalhes ainda não tenham sido revelados (a obra só sai em setembro de 2014), este livro da jornalista e empresária de tecnologia Shane Snow promete descobrir padrões não convencionais entre empresas e pessoas de sucesso, de inovadores e hackers à aventureiros e revolucionários. Shane é uma perita da produtividade criativa que carrega consigo a chave para se tornar uma especialista em menos de 10 mil horas.

Fonte: LinkedIn Articles

Deixe uma resposta