6 Tendências de Marketing Online para Seguir em 2014

6 Tendências de Marketing Online para Seguir em 2014

Tendências de marketing online têm mudado a uma velocidade alucinante para muitas empresas. Pode ser um enorme desafio mantê-las, mas a Internet tem se tornado tão importante e com farto material livremente disponível, que já não há mais desculpas para não estar ciente delas nem saber como utilizá-las. Para ajudar as empresas que querem ficar à frente da concorrência, o estrategista de social media Niall Devitt listou as 6 principais tendências de marketing online para seguir em 2014:

1. Marketing de conteúdo

Não há nada de novo em destacar o marketing de conteúdo como algo que as empresas precisam levar a sério em 2014. No entanto, nos últimos 12 meses temos visto o marketing de conteúdo passar de muito importante para missão crítica.

O marketing tradicional de massa através da televisão, rádio, jornais etc tornou-se menos eficaz e está sendo substituído por empresas que agora produzem conteúdo valioso projetado para atingir, envolver e conduzir conversas com seus clientes online.

De acordo com o Content Marketing Institute, as 10 principais estratégias de marketing de conteúdo são:

1. Social Media
2. Artigos em sites de negócios
3. Newsletters
4. Blogs
5. Estudos de caso
6. Vídeos
7. Artigos em outros sites
8. Eventos/Palestras
9. Whitepapers
10. Webinars

2. Guest Blogging/Guest Blogging reverso

Mais uma vez, nada de novo aqui, mas o guest blogging também tem passado por níveis explosivos de crescimento nos últimos 12 meses e é fácil perceber porquê, pelas
referências abaixo:

8 Brands That Benefit From Guest Blogging – SocialMediaExaminer
The REAL Benefits of Guest Blogging – MOZ
Triple Your Traffic by Guest Blogging for Backlinks – ProBlogger
The Only Benefit of Guest Blogging that Matters – MyBlogGuest
How Savvy Inbound Marketers Get Results From Guest Blogging – Hubspot

Guest Blogging reverso

O Guest Blogging reverso é onde encontramos e convidamos blogueiros especialistas em um nicho específico para escrever o conteúdo de um site/blog. Selecione os blogueiros certos, e eles trarão audiência, compartilhamentos e backlinks para melhorar a visibilidade do seu site. O Guest blogging tornou-se uma opção cada vez mais eficaz e popular para fazer crescer os negócios, mas o foco de qualquer campanha de guest blogging deve estar na qualidade: website, autor e conteúdo.

3. Busca, sinais sociais e Google Authorship

Embora ainda haja um debate a respeito de como exatamente eles interagem uns com os outros, começa a ficar mais claro que busca e social media estão cada vez mais interligados e que esta tendência deve continuar. Como o Google irá optar por usar o Authorship é uma outra questão, mas, por enquanto, permite marcar o conteúdo e ter o avatar e as informações do autor dispostos nas páginas de resultados.

4. Conteúdo denso e longo

Uma análise recente concluiu que um conteúdo denso e longo é mais efetivo quando apresenta rankings. O site SerpIQ examinou os 10 melhores resultados de busca para mais de 20.000 palavras-chave e mostrou que o tamanho médio de uma página que figura entre os 10 melhores resultados tem ao menos 2000 palavras ou mais.

5. Conteúdo amigável para dispositivos móveis

Em oposição ao tópico anterior, o uso generalizado e crescente de smartphones e tablets significa que agora necessário criar conteúdo que seja acessível amigável a dispositivos móveis. O Business Insider calcula que uma em cada cinco pessoas possuem um smartphone e uma em cada 17 possuem um tablet (nos EUA). Há várias formas de criar um conteúdo amigável para dispositivos móveis, mas é possível criar conteúdo amigável e denso, ao mesmo tempo. Assim, parece que agora há uma tendência de se fazer as duas coisas – já que as pessoas têm passado mais tempo nesses dispositivos. Você vai precisar planejar e incluir tanto conteúdo amigável e denso em sua estratégia de marketing de conteúdo para 2014.

6. Sofisticação e diversificação das mídias sociais

O argumento quanto aos negócios precisarem estar nas mídias sociais é ponto pacífico, mas a discussão sobre como uma empresa deve usar a mídia social está apenas começando.

A IBM define o Social Business Model da seguinte forma: “As empresas caminham para a liderança quando olham para além da social media para ver como as tecnologias sociais trazem valor real ao negócio. Do marketing e vendas à inovação de produtos e serviços, o “social” tem mudado a maneira como as pessoas se conectam e a forma como as organizações obtêm sucesso”.

Empresas como a IBM e a Ford podem liderar nesse quesito, no entanto, o significado mais profundo e o contexto até agora tem se perdido para a maioria dos gerentes seniores – que continuam a pensar no “social” como um conjunto de atividades frívolas confinadas às suas equipes de marketing. Mas 2014 deve ser o ano em que isso começará a mudar. O modelo social irá se tornar mais profundamente enraizado dentro das organizações, será usado para abordar um leque mais diversificado de problemas de negócios e começará a conquistar vitórias notáveis ​​sobre as abordagens tradicionais – em áreas como recrutamento, logística e atendimento ao cliente .

Será que 2014 será o ano em que os CEOs acordarão para o Social Business Model?

Fonte: LinkedIn Articles

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

[index]
[index]
[523.251,659.255,783.991]
[523.251,659.255,783.991]
[523.251,659.255,783.991]
[523.251,659.255,783.991]