24h

Todos os dias

Rua Tenerife, 31 - 4º Andar

Vila Olímpia - São Paulo

(11) 3044-0710 / 3847-8920

contato@cwosp.com.br

Comparar listagens

Porque Trabalhar Duro não é Suficiente para Alcançar o Sucesso

Porque Trabalhar Duro não é Suficiente para Alcançar o Sucesso

Trabalhar Duro é a solução de tudo?

Todo mundo pensa que trabalhar duro é segredo de sucesso. Mas será que é mesmo? Afinal, o que significa “trabalhar duro”? As pessoas realmente ter dificuldades para definir a expressão. Além disso, parecem haver fatores mais atraentes em jogo. E, se você negligenciar os fatores fundamentais que contribuem para seu sucesso geral, é bem provável que o acabe sabotando. Às vezes nos esquecemos que as coisas que mais moldam nossa jornada são também as mais largamente ignoradas.Considere os seguintes fatores, que demonstram por que o trabalho duro por si só não é essencial para o sucesso:

Trabalhar de forma mais inteligente é mais útil que “trabalhar duro”

Trabalhar duro pode ser uma perda de tempo, especialmente se você não estiver obtendo resultados. O magnata do setor imobiliário, Chris Leavitt, desde muito cedo em sua carreira percebeu que o tempo é um recurso não negociável, não renovável e que as pessoas disperdiçam muito. Ao trabalhar de forma mais inteligente, ele descobriu maneiras criativas de alcançar melhores resultados sem perder tempo, comprometer sua integridade ou mesmo sacrificar tudo em nome dos negócios. Trabalhar da forma mais inteligente ao invés da forma mais difícil é, inclusive, o slogan do negócio de Chris, o “Million Dollar Listing Miami”, que lista as propriedades mais “cool” de Miami.

Você precisa de apoio

Cultivar relacionamentos fortes é vital. Nenhum homem é uma ilha para si mesmo, mesmo quando ele deseja ser. Richard Branson, famoso empreendedor inglês, diz que o sucesso nos negócios tem relação direta com a arte de criar relações. Trabalhar duro, mas não contar com o apoio de outras pessoas que poderiam ajudá-lo a impulsionar os negócios, pode tornar muito difícil cumprir prazos, aliviar o stress e expandir seu alcance.

E precisa superar o medo

O medo pode ser uma obstrução grave para o seu sucesso. Como você lida com ele? Aprenda a gerenciar e superar isso. Barbara Corcoran, magnata do setor imobiliário e especialista em negócios, nem sempre foi a oradora confiante que é hoje. Quando era mais nova, ela tinha pavor de falar em público – ela gaguejava – e sofria extremo constrangimento. Mas ela sabia também que a melhor maneira de superar seu medo era trabalhar duro e enfrentá-lo. Ela então obrigou-se a aceitar inúmeras palestras para que pudesse melhorar. Adivinha o quê aconteceu? Ela conseguiu!

Sua aparência importa

“Apesar da boa aceitação do traje casual em muitas empresas, nunca houve um dress code “business casual” ou uma opção mais “casual” para uma sexta-feira na Black Enterprise Magazine”, diz Earl G. Graves, empresário americano, filantropo e editor-chefe da revista. Apesar das pessoas não gostarem de admitir isso, a aparência física é um reflexo do seu compromisso com a excelência e definitivamente influencia a maneira como os outros o percebem e, portanto, afeta a sua trajetória para o sucesso.

E uma visão essencial do que se deseja fazer na vida também

Tony Robbins, coach e famoso autor norte-americano de livros de auto-ajuda, ensina que criar e executar uma visão essencial da vida é importante: esses conceitos são fundamentais para alcançar o sucesso. Apesar de um começo humilde e desde muito jovem, Tony sabia muito bem como queria viver sua vida e criou uma visão convincente de como poderia alcançar seus objetivos. Sua visão se traduziu em uma grande carreira e sucesso financeiro, tendo o autor ajudado pessoas em todo o mundo a atingir o máximo desempenho e a realizar seus sonhos. Ele inclusive entrou para a lista “Celebrity 100” da revista Forbes, em 2007, entre outros reconhecimentos invejáveis.

Sua felicidade importa

Sem felicidade, é muito difícil desenvolver o desejo de alcançar qualquer coisa. O sucesso, então, também repousa sobre nossa capacidade de abraçar a felicidade em um nível visceral. Jim Rohn, considerado o filósofo de negócios mais importante dos EUA, ensinou estratégias para melhorar as nossas vidas com base nos princípios de gratidão e felicidade. Ele desenhou os princípios orientadores da realidade da sua própria vida, que inspirou outros a abraçar seu insight sobre a atuação de desenvolvimento pessoal. Falecido em 2009, ele costumava dizer: “A felicidade e o sucesso na vida não são o resultado do que temos, mas sim do modo como vivemos. O que fazemos com as coisas que temos faz a maior diferença na qualidade de vida”.

E a persistência também

Fazer alguma coisa uma ou duas vezes – trabalhar duro mesmo quando estamos diante de um enorme esforço – geralmente não é suficiente para produzir resultados. Mas quando se é persistente com muito mais frequência, você verá os frutos do seu trabalho. O ator Dwayne Johnson tem dominado este princípio. Ele sabe que ingerir UMA refeição saudável ou fazer UM treino muito pesado não levarão ao físico dos seus sonhos. Não importa quais sejam seus objetivos, ser persistente é [uma das] chaves para alcançá-los. Simplesmente não há como contornar isso.

Vença o cinismo, e principalmente os cínicos

É lamentável, e de certa forma cruel, mas o caminho para o sucesso é repleto de cínicos e de cinismo. Se você quiser manter o foco e trabalhar duro para alcançar um objetivo maior, não poderá se distrair  ou se deixar levar pela sujeira e pela lama das crenças de outras pessoas. O mais importante é o que VOCÊ acredita ser verdadeiro para si mesmo. Barack Obama, o primeiro presidente negro dos Estados Unidos, ao vencer duas eleições controversas mostrou que ignorar os cínicos foi um poderoso veículo para o sucesso. Se ele não tivesse feito isso, teria sido difícil inspirar o país a acreditar na sua liderança e levar seus eleitores às urnas para reelegê-lo.

A falha faz parte do processo

Não importa o quão empenhado você esteja para trabalhar duro e alcançar o sucesso: haverão contratempos, obstáculos e desafios de diferentes proporções. Mas as falhas, independente de como surgirem, não são indicadoras de sua incapacidade de alcançá-lo. Elas fazem parte do percurso quando realização está no horizonte. Portanto, é melhor abraçá-las e aprender com elas do que ser esmagado por elas (ou passar a vida lamentando). Tim Hartford, autor, economista e colunista do Financial Times ensina que, ao reconhecer e enfrentar nossos fracassos, temos a chance de superar os nossos egos e criar oportunidades de aprendizagem e maior sucesso.

O sucesso requer sacrifício

Todo mundo quer alcançar o sucesso, mas poucos estão dispostos a trabalhar duro e sacrificar o que é preciso para obtê-lo. Gabrielle Douglas, atleta olímpica, sabe muito sobre sacrifício. Afinal, ela passou a maior parte da sua vida se preparando para a ginástica competitiva, um feito difícil, mesmo para o melhor dos atletas. Para estar no seu melhor, ela precisava trabalhar duro e seguir regimes de treinamento rigorosos e uma dieta igualmente rigorosa. Ela também passou uma quantidade significativa de tempo longe de sua família para treinar antes de participar nos Jogos Olímpicos de Verão de 2012. É claro que ela teve muitos bons dias também, mas se sacrificou muito. Você está disposto a se sacrificar para chegar ao topo?Fonte: Lifehack

img

Laura Lopes

    Posts relacionados

    Aprendendo a Lidar com o Perfeccionismo

    Você sabe o que quer dizer a palavra perfeccionismo? Existem pessoas que possuem uma enorme...

    Continue lendo
    por Laura Lopes

    Como identificar nossos 8 mecanismos de defesa mais comuns?

    Ser rejeitado de um emprego que você queria muito. Um ambiente social no qual você não se sente...

    Continue lendo
    por Laura Lopes

    15 dicas sobre como se manter motivado para realizar seus sonhos

    É fácil cair no hábito da procrastinação ou se distrair com assuntos triviais e sem...

    Continue lendo
    por Laura Lopes

    Participe da discussão