24h

Todos os dias

Rua Tenerife, 31 - 4º Andar

Vila Olímpia - São Paulo

(11) 3044-0710 / 3847-8920

contato@cwosp.com.br

Comparar listagens

10 Coisas que Bons Comunicadores Possuem em Comum

10 Coisas que Bons Comunicadores Possuem em Comum

Uma comunicação eficaz é de suma importância em todos os aspectos da vida. E não é muito difícil de dominar. Enquanto algumas excelentes habilidades de comunicação são inerentes, aqueles que não são naturalmente dotados dessas características certamente podem praticar para chegar à perfeição. Como disse o empresário Brian Tracy, “a comunicação é uma habilidade que você pode aprender. É como andar de bicicleta ou digitar. Se você está disposto a se aperfeiçoar, poderá melhorar rapidamente a qualidade de cada parte da sua vida”.

Os 10 atributos abaixo pertencem a verdadeiros especialistas em comunicação. Basicamente, esses profissionais:

1. Ouvem

“Temos dois ouvidos e uma boca e devemos usá-los proporcionalmente”, diz Susan Cain, autora de “Quiet: The Power of Introverts in a World That Can’t Stop Talking” (em tradução livre: “Silêncio: o poder dos introvertidos em um mundo onde ninguém pode parar de falar”.

Saber ouvir é uma habilidade essencial para uma comunicação eficaz. Ser capaz de absorver o que os outros dizem permite chegar a respostas adequadas. Grandes comunicadores não criam conversas unilaterais, pois, afinal, qual seria a razão disso?

Eles nunca tentam pensar em respostas enquanto o outro ainda está falando, porque eles não querem correr o risco de se perder no que está sendo dito. Ao manter a atenção sob cada palavra da conversa, os bons comunicadores sabem exatamente o que se encaixa quando chega a hora de falar.

2. Adaptam a mensagem a diferentes públicos

Como elas escutam atentamente, as pessoas com habilidades de comunicação efetiva ganham a compreensão de seu público. Seja uma sala cheia de pessoas, um grupo de assinantes online ou apenas uma outra pessoa, elas podem adaptar a sua mensagem para ouvintes específicos.

É absolutamente necessário ter alguns insights a respeito do público com quem você se comunica, pois sem essa compreensão, suas palavras não terão efeito. Por exemplo, você não gostaria de falar sobre hambúrgueres e costeletas de porco a um grupo de membros da PETA ao tentar conquistá-los, não é? O entendimento é benéfico para todos os membros do diálogo, na medida em que as mensagens são claras e todas as partes se sentem compreendidas.

3. Simplificam o complexo

Algumas mensagens podem ser complexas ou confusas. O bom comunicador, no entanto, pode torná-las claras e concretas para a sua audiência. Pense em um professor que descreve um novo conceito para uma aula de álgebra – se ele não pode tornar o complicado compreensível, sua lição nunca será transmitida aos alunos. Ao quebrar ou reformular o conteúdo, grandes comunicadores tornam a mensagem mais digerível para mais pessoas.

4. Eles sabem quando falar

Compreender quando o diálogo se faz necessário será sempre útil para uma boa comunicação. Digamos, por exemplo, que um funcionário falta no trabalho ou deixa de entender um conceito. Um chefe que reconhece a necessidade de uma conversa será muito melhor do que um chefe que, sem saber o que dizer, varre o problema para debaixo do tapete. Eles sabem quando falar e quando essa será a melhor opção contra os casos em que é melhor ficar quieto.

5. Mantêm-se disponíveis

Sempre que você precisar de um excelente comunicador, eles se tornam disponíveis. Eles dão respostas e não o deixam “no ar”. Eles não são o namorado que desaparece e não responde por horas a fio; não são o chefe que não tem tempo para explicar atribuições. Bons comunicadores lideram discussões completas, nas quais todas as partes estão satisfeitas.

6. Praticam a (auto)confiança

Um bom comunicador sabe que é um bom comunicador. Ele não se esconde atrás de uma linguagem vaga, mas transmite ideias com clareza. Seu ar de confiança ganha o público, na medida em que demonstra que sabe o que está falando.

7. São precisos

Se você deseja transmitir e espalhar sua mensagem, certamente não criará rodeios para isso. Os bons comunicadores possuem um ponto claro e conciso e não há dúvidas sobre o que se trata. Eles darão instruções detalhadas ou farão perguntas direcionadas – ou seja, não deixarão espaço para confusão.

Por que, pergunta o comunicador, uma pessoa perderia tempo tentando adoçar a mensagem com uma linguagem vaga? Ele antes prefere compartilhá-la de uma forma simples e evita confundir o ouvinte.

 

8. Concentram-se em suas interações

Grande parte de se comunicar bem e respeitosamente diz respeito a eliminar as distrações das interações. Ninguém gosta de estar no meio de uma conversa enquanto a outra parte começa a mexer no celular ou na comida bem à frente. Ao evitar esse tipo de contexto/ambiente, o bom comunicador foca-se exclusivamente na mensagem e em sua audiência.

9. Fazem perguntas

Mais uma vez, em um esforço para melhor entender o público, um bom comunicador questiona amplamente. Eles preenchem eventuais lacunas de confusões com respostas e não com suposições. Qualquer conhecimento adquirido através do questionamento ajuda a atender melhor o público, bem como a espalhar a mensagem do comunicador.

10. Reconhecem sinais não verbais

Em uma conversa cara-a-cara, a linguagem corporal pode ser tão importante quanto as palavras que estão sendo ditas. Reconhecer a frustração, nervosismo ou excitação através de sinais não-verbais – como postura, expressão facial e contato visual – ajuda o bom comunicador a entender seu público. Por sua vez, ele pode melhor adequar sua mensagem para coincidir com a atitude da referida audiência.

Acredite, praticar essas habilidades e melhorar a capacidade de se comunicar valerá seu tempo e esforço. Como disse Paul J. Meyer, um bem sucedido homem de negócios: “Comunicação – a conexão humana – é a chave para o sucesso pessoal e profissional”. Nunca duvide disso.

Fonte: Lifehack

 

img

Laura Lopes

    Posts relacionados

    Estratégia de Marketing de Conteúdo Bem Sucedida em 5 passos

    Estratégia de Marketing de Conteúdo & Inbound Marketing A ideia por trás da expressão...

    Continue lendo
    por Laura Lopes

    Aprendendo a Lidar com o Perfeccionismo e a Perfeição

    Perfeccionismo e a busca da perfeição Você sabe o que quer dizer a palavra perfeccionismo?...

    Continue lendo
    por Laura Lopes

    Como identificar nossos 8 mecanismos de defesa mais comuns?

    Ser rejeitado de um emprego que você queria muito. Um ambiente social no qual você não se sente...

    Continue lendo
    por Laura Lopes

    Participe da discussão