24h

7 dias

Rua Tenerife, 31 - 4º Andar

Vila Olímpia - São Paulo

(11) 3044-0710 / 3847-8920

contato@cwosp.com.br

Comparar listagens

Exagerou no café? Controlar a cafeína pela sua saúde

Exagerou no café? Controlar a cafeína pela sua saúde

Conversamos com a nutricionista Tatyana Borges para ir além do senso comum sobre uma unanimidade nacional: a paixão pelo café. Podemos nos arriscar a dizer que a imensa maioria dos brasileiros não dispensa um pão com manteiga + café com leite, ou mesmo puro, no café da manhã. Aliás, o próprio desjejum da manhã já leva o seu nome, tamanha sua importância! Mas este post não é para reverenciá-lo, e sim alertar sobre o consumo exagerado dessa bebida aparentemente inofensiva.

Benefícios ao consumir o café

Vamos começar pelos benefícios: uma média diária de 3 xícaras de 50ml é considerada benéfica para um adulto, uma vez que a cafeína é estimuladora do sistema nervoso central, gerando um estado de alerta que pode, inclusive e especialmente, ajudar no desempenho das atividades físicas diárias – caminhar, andar de bicicleta, correr, ou mesmo ir à academia.

Quando consumido em excesso, pode levar à insônia, agitação, taquicardia e ansiedade. “Portanto, podemos definir como consumo moderado até 3 xícaras por dia e consumo “exagerado” quando ultrapassa essas 3 xícaras”, alerta a nutricionista.

Outros benefícios e curiosidades sobre o café incluem o estímulo do sistema nervoso central (SNC), melhorando o estado de alerta, o desempenho de tarefas simples, a capacidade de concentração, a vigilância auditiva, a diminuição da sonolência e também do cansaço. Tem ação diurética e contém agentes estimulantes do cólon que auxiliam os movimentos intestinais e facilitam a evacuação. A cafeína em pequenas doses pode aliviar dores de cabeça devido à sua ação vasodilatadora, e além disso possui antioxidantes, auxiliando na redução dos radicais livres.

Malefícios variam de pessoa para pessoa

Existem pessoas que metabolizam o café rapidamente, enquanto outras o metabolizam de forma lenta. O que determina isso é existência de uma enzima chamada Citocromo P450 (CYP1A2). Quanto mais eficiente for essa enzima, mais rápida é a metabolização e menos o organismo sentirá os efeitos do café. Já as pessoas com metabolismo lento tendem a sentir os efeitos colaterais com mais facilidade, mesmo consumindo em menos quantidade. Como efeitos colaterais do consumo exagerado podemos citar a ansiedade, as palpitações, taquicardia, tremor, irritação, dor de cabeça, náusea, insônia, piora nos quadros de gastrite e úlcera. Para essas pessoas o ideal é não ultrapassar a dose das 3 xícaras de 50ml mencionadas acima (75mg – 300mg de cafeína), aproximadamente, por dia. 

Grupos de risco: grávidas

Existem alguns grupos de risco que devem tomar cuidado com o consumo exagerado do café. Como a cafeína provoca um aumento na secreção gástrica, ela deve ser evitada por pessoas que possuam quadros de gastrite e úlceras crônicas.

Pessoas com anemia ou deficiência de ferro devem evitar tomar aquele cafezinho logo após a refeição. Pois pode ocorrer uma ação inibitória do café sobre a absorção do ferro não-heme (presente nos vegetais). A cafeína também estimula a liberação do cortisol (hormônio do estresse). Portanto pessoas com quadros de ansiedade, nervosismo e irritabilidade também devem evitar a bebida.

Mulheres grávidas devem interromper o consumo de café ou reduzi-lo para 1-2 xícaras por dia. Isso porque na gravidez o metabolismo do café fica mais lento e a cafeína atravessa a placenta facilmente. Tatyana Borges adverte que isso pode ser prejudicial para o bebê, uma vez que seu fígado ainda não possui uma capacidade de metabolização eficiente desse composto. Além disso, mulheres grávidas costumam apresentar problemas digestivos como azia, náuseas, queimação e gastrite. Esses problemas tendem a piorar com o consumo do café.

Se você exagerou no consumo, a melhor forma de reverter as reações não desejadas da cafeína é beber bastante água para auxiliar na eliminação através da urina. Mas e se você não pode consumir de jeito nenhum? Gostaria de um substituto? Que tal optar pelo chá preto, o chá verde e até mesmo um bom chocolate amargo no café da manhã.

Para falar com Tatyana Borges: https://linktr.ee/nutritatyana

img

Laura Lopes

    Posts relacionados

    Conheça o Canva e dispense o Photoshop

    Canva é uma plataforma que serve como uma espécie de biblioteca virtual para todos os tipos de...

    Continue lendo
    por Laura Lopes

    A safe coworking space to work. Think about it!

      Thinking about a safe place to work is part of your routine when it comes to choose a...

    Continue lendo
    por Laura Lopes

    Aumentar o poder da memória. E se tornar 10x mais inteligente

    Muitas vezes, quando temos muita informação para absorver, passamos pelo que é chamado de...

    Continue lendo
    por Laura Lopes

    Participe da discussão

    WhatsApp Chat
    [index]
    [index]
    [523.251,659.255,783.991]
    [523.251,659.255,783.991]
    [523.251,659.255,783.991]
    [523.251,659.255,783.991]